Cascavel

Alunos da rede estadual de Cascavel tem primeiros contato com o modelo Cívico Militar

No município participam do projeto os Colégios do Santos Dumont, Brasmadeira, Catar...

10 mai 21 - 12h51 Redação SOT
Alunos da rede estadual de Cascavel tem primeiros contato com o modelo Cívico Militar

Foi retomada na manha desta segunda-feira (10), as aulas presenciais nas instituições de ensino da rede estadual em Cascavel. 

Mas alguns alunos tiveram um retorno diferente, com os os primeiros contatos com os Colégios Cívico-Militar. No município participam do projeto os Colégios do Santos Dumont, Brasmadeira, Cataratas, Júlia Wanderley e Olivo Fracaro. 

Gestão - Dois diretores passarão a comandar a escola: um civil, que vai cuidar da parte pedagógica, e um militar da reserva para tratar de questões como disciplina e hierarquia.

Os dois gestores serão escolhidos pela Secretaria de Estado da Educação (Seed), sem participação da comunidade escolar na escolha.

Segundo a secretaria, o diretor civil é quem terá poder de decisão. A orientação disciplinar deve ser mais rígida, mas não tão severa quanto nos colégios do Exército, por exemplo.

Uniforme e monitoramento - Os alunos vão passar a usar uniformes específicos, uma farda azul que será fornecida pelo governo. Haverá monitores militares participando da rotina escolar. Serão de três a cinco policiais da reserva, a depender do tamanho do colégio.

Currículo - O currículo dos estudantes também vai mudar. Eles vão passar a ter uma sexta aula para reforço de matemática, de português e estudo da Constituição Federal, além de bases do direito e cidadania. Professores da rede estadual continuarão dando aulas nesses colégios, que não terão professores militares.

Ingresso - O governo estadual informou que o modelo é inspirado em colégios militares. Apesar disso, o ingresso nos cívico-militares não terão processo seletivo.

Via: Redação/Skalet Fernanda - Foto: Divulgação


Whatsapp Portal Sot - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: bit.ly/3twq87I 



Postagens Relacionadas
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.