Cascavel

Vereadores discutem viabilidade de projetos voltados para energia solar

Na oportunidade, os legisladores discutiram possibilidades de implantação de Energi...

26 mai 21 - 21h36 Redação SOT
Vereadores discutem viabilidade de projetos voltados para energia solar

Os vereadores Professor Santello (PTB) e Beth Leal (Republicanos), estiveram reunidos na manhã desta quarta-feira (27), com o presidente da Cohavel (Companhia Municipal de Habitação de Cascavel), Vinícius Bosa, e o diretor financeiro, André Alves. Também estiveram presentes assessores dos vereadores e a arquiteta Lucilene Rosa, mestre especialista de área Ambiental em Políticas Públicas. 

Na oportunidade, os legisladores discutiram possibilidades de implantação de Energia Solar Fotovoltaica em habitações populares do município. “O reaproveitamento solar é algo que está se discutindo em todo o mundo. Precisamos pensar em formas de colocar essa consciência em prática na nossa cidade. Para isso, abrimos um diálogo com a Cohavel, para que possamos trabalhar juntos nessa efetivação”, ressalta Santello. 

Para a vereadora Beth Leal, a iniciativa em procurar pela Cohavel foi de grande valia, pois através de detalhes repassados pelos responsáveis é que será estruturado uma proposta legislativa coerente. “Queremos ter certeza de que esse projeto envolvendo energias renováveis seja aplicável, que saia do papel e possa beneficiar a população que residirá nessas moradias populares”, reforçou a vereadora Beth Leal. 

Para o presidente da companhia, a possibilidade de incluir essa ideia nos próximos conjuntos habitacionais de Cascavel é grande. “Temos vários projetos de novas moradias na cidade e através de parcerias, poderemos estudar a inclusão de placas solares no Plano Habitacional do município, que inclusive já está no Executivo para aprovação”, comentou Vinicius. 

A utilização de fontes de energia renováveis possui um papel muito importante não só como fator principal na geração de energia limpa como também em questões sociais, econômicas e ambientais. “Além de amenizar impactos no meio ambiente, ajudam na economia, permitindo que a população de baixa renda tenha acesso à energia elétrica e gaste menos com isso. Muitas pessoas se beneficiariam, principalmente nos próximos 5 anos, após a pandemia”, concluiu Lucilene Rosa.

Como funciona  - Os sistemas solares é um investimento a médio / longo prazo, cujo seu retorno financeiro varia entre 4 a 6 anos, e sua vida útil é acima de 25 anos, propondo mais de 20 anos de economia na conta de luz.

O sistema fotovoltaico é baseado na utilização de painéis fotossensíveis que são capazes de transformar a energia dos raios do sol em corrente elétrica (corrente contínua). A potência gerada é enviada para o inversor que é o equipamento responsável pela conversão da energia para os padrões da rede da concessionária (corrente alternada). Posteriormente, a energia é injetada na rede elétrica da residência e já poderá ser utilizada pelo consumidor.

Via: Assessoria de Imprensa/CMC- Foto: Flavio Ulsenheimer


Whatsapp Portal Sot - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: bit.ly/3twq87I 



Postagens Relacionadas
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.