Cascavel

Após quase dois meses sem receber doses, Cascavel avança na vacinação dos profissionais de saúde

Nesta quinta e sexta-feira, os profissionais estão sendo vacinados em massa nas uni...

27 mai 21 - 12h53 Redação SOT
Após quase dois meses sem receber doses, Cascavel avança na vacinação dos profissionais de saúde

Após quase dois meses sem receber doses da vacina para profissionais da saúde, Cascavel retomou hoje, com força máxima, a vacinação desses profissionais que estão na linha de frente do enfrentamento à Covid-19. Nesta quinta (27) e sexta-feira (28), uma vacinação em massa ocorre em 42 unidades de saúde.

A demanda gerou filas em algumas unidades, mas o distanciamento social está sendo respeitado pelos profissionais. De acordo com o secretário Miroslau Bailak, são cerca de quatro mil trabalhadores da área de saúde que ainda tomaram o imunizante.

“Com a chegada dessas doses nós decidimos fazer isso de uma forma rápida, porque eles precisam estar em seus locais de trabalho e em dois dias nós conseguiremos vacinar um grande grupo de trabalhadores em nossas 42 unidades.. Isso, obviamente, demanda alguma fila, mas essa é uma fila do bem, são trabalhadores da saúde, que sabem que é preciso manter o distanciamento”, diz Bailak.

Critério para vacinação de trabalhadores da Saúde

 Os profissionais de saúde precisam comprovar vínculo empregatício com a apresentação de:

- carteira de trabalho, holerite, contrato social ou comprovante de recolhimento de Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza – ISSQN.

Os profissionais autônomos devem apresentar documento de registro do respectivo conselho de classe, juntamente com documento ou declaração registrada em cartório que comprove a prestação de serviços em alguma clínica, estabelecimento de saúde ou consultório.

Para os profissionais que atuam como cuidadores de idosos será necessário apresentar o documento que comprove o curso de cuidador.

Via: Portal do Município de Cascavel - Foto: Divulgação


Whatsapp Portal Sot - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: bit.ly/3twq87I 



Postagens Relacionadas
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.