Brasil

DJ Ivis é preso na Grande Fortaleza por agressões contra ex-mulher, Pamella Holanda

A prisão preventiva havia sido pedida nesta terça (13) pela Polícia Civil, e conced...

14 jul 21 - 18h43 Atualizado 14 jul 21 - 18h44 Redação SOT

O cantor DJ Ivis, Iverson de Souza Araújo, foi preso nesta quarta-feira (14) após os vídeos de agressões contra a ex-mulher, Pamella Holanda, serem divulgados por ela nas redes sociais. A prisão aconteceu em um condomínio de luxo em Aquiraz, na Região Metropolitana de Fortaleza. 

A prisão preventiva havia sido pedida nesta terça (13) pela Polícia Civil, e concedida nesta tarde pela Justiça. O governador Camilo Santana confirmou a prisão do artista por meio das redes sociais.

"Acabo de ser informado pelo nosso secretário de Segurança da prisão do DJ Ivis, no caso das agressões a Pamella Holanda. A prisão preventiva havia sido solicitada ontem pela nossa Polícia Civil e decretada há pouco pela Justiça. Que responda pelo crime cometido", publicou Camilo.

Os vídeos gravados pela câmera de segurança mostraram DJ Ivis agredindo a ex-mulher, Pamella Holanda. As agressões aconteceram na frente da filha e de outras duas pessoas, a mãe dela e um funcionário do produtor musical. As imagens foram divulgadas por Pamella no domingo (11).

Nesta terça, o funcionário, identificado como Charles, prestou depoimento como testemunha. O conteúdo, entretanto, não foi divulgado pela polícia. Não há ainda confirmação e a mãe de Pamella também foi ouvida pelas investigações.

Novo exame de corpo de delito - A digital influencer Pamella Holanda, ex-mulher de DJ Ivis, vai fazer um novo exame de corpo de delito para que seja definida a gravidade das lesões sofridas após as agressões do artista.

O delegado adjunto do distrito que investiga o caso, Tarso Facó, informou sobre o novo exame nesta quarta-feira (14), quando mais uma testemunha do caso foi ouvida.

No último domingo, Pamella publicou vídeos em que leva chutes, socos e puxões de cabelo durante uma briga do casal e fez a ocorrência no dia 3 de julho na delegacia da cidade de Eusébio, na Grande Fortaleza.

Pamella saiu do primeiro depoimento, na segunda-feira (12), com a documentação necessária para que, em 30 dias, um novo exame seja realizado com relação às agressões, de acordo com Facó.

Via: Redação/Portal G1/Hora News - Foto: Divulgação


Whatsapp Portal Sot - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: bit.ly/3twq87I 



Postagens Relacionadas
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.