Cascavel

Câmara terá debate na sexta sobre impactos da Reforma Administrativa

O debate será feito no formato híbrido, com participantes presenciais no Plenário d...

24 ago 21 - 18h18 Redação SOT
Câmara terá debate na sexta sobre impactos da Reforma Administrativa

O Poder Legislativo de Cascavel promove na próxima sexta-feira (27) um debate sobre os impactos que a Reforma Administrativa pode ter na vida dos cidadãos. Proposto pela vereadora Professora Liliam (PT) e pelo vereador Edson Souza (MDB), o encontro também conta com o apoio do Dr. Lauri (PROS), Policial Madril (PSC), Emerson Vilanova (PTB), Cidão da Telepar (PSB) e Serginho Ribeiro (PDT). O horário será das 14h às 17h30.

O debate será feito no formato híbrido, com participantes presenciais no Plenário da Câmara e outros por acesso remoto, além da transmissão pelo portal e pelas redes sociais do Legislativo. Quem solicitou aos vereadores a organização dessa discussão pública foram entidades como: Sindicato dos Servidores do Poder do Judiciário do Estado do Paraná (Sindijus), Siprovel (Sindicato dos Professores Municipais de Cascavel), Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Paraná (APP Sindicato) e Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino Superior do Oeste do Paraná (Sinteoeste).

Segundo a Professora Liliam, “o objetivo é debater os impactos nas carreiras do serviço público, nas esferas municipais, estaduais e federais, bem como na vida da população em geral, diretamente atingida pela Reforma Administrativa. Afinal, essa PEC é mais um ataque à classe trabalhadora. O que eles querem, na verdade, é o retrocesso, para que o serviço público não tenha autonomia e fique submetido aos desejos dos governantes que estiverem no poder”.

Edson destaca a importância do serviço público para a cidadania e como isso é atingido pela PEC. "O servidor  público é essencial para a sociedade como um todo e não há serviço público de qualidade se não houver valorização e boa remuneração. A PEC 32 coloca em xeque as carreiras dos servidores, ameaça a estabilidade e os deixa reféns de critérios poucos objetivos, à mercê de retaliações e perseguições. A real intenção dessa Reforma é fazer o desmonte dos serviços públicos", afirma ele.

Via: Assessoria de Imprensa/CMC- Foto: Divulgação


Whatsapp Portal Sot - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: bit.ly/3twq87I 



Postagens Relacionadas
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.