Brasil

Stock Car: Calor no Sul e vitórias para Thiago Camilo e Ricardo Maurício

Camilo subiu da sétima para a terceira posição no campeonato, com chances matemátic...

23 nov 21 - 14h54 Atualizado 23 nov 21 - 14h55 Redação SOT
Stock Car: Calor no Sul e vitórias para Thiago Camilo e Ricardo Maurício

O calor surpreendeu os pilotos neste domingo (21) em Santa Cruz do Sul (RS) para a 11ª e penúltima etapa de 2021 da Stock Car Pro Series. No momento da largada, às 13h50, a temperatura ambiente era de 36 graus e a do asfalto, 59ºC, medição recorde na atual temporada da principal categoria do automobilismo brasileiro, superando os números registrados em Goiânia (GO) nas etapas realizadas em setembro.

As duas corridas, bastante disputadas, tiveram as vitórias de Thiago Camilo na primeira e de Ricardo Maurício na segunda. Camilo chegou ao Rio Grande do Sul na sétima posição da tabela e sai em terceiro, um ponto à frente de Rubens Barrichello e 56 atrás do líder Casagrande. É o único piloto, além do vice-líder Daniel Serra, a alimentar chances matemáticas – embora remotas – de ser campeão: precisa fazer a pole position e vencer as duas corridas de Interlagos, e ainda torcer para que Casagrande e Serra não pontuem.

Thiago, que no sábado (20) marcou a 27ª pole de sua carreira, venceu pela quarta vez nesta temporada e em Santa Cruz do Sul teve a companhia de Julio Campos e Allam Khodair no pódio. Casagrande e Serra fecharam os cinco primeiros.

A etapa foi uma guerra estratégica, especialmente em virtude do calor e do abrasivo asfalto da pista, que desgastava excessivamente os pneus e também representava um desafio ao sistema de freios, com os discos fornecidos pela Fremax sustentando temperaturas de até 720 graus e as pastilhas da Fras-le com até 840ºC. E Ricardo Maurício, que abandonou a primeira prova após um furo de pneu, largou na segunda prova para vencer pela sexta vez nesta temporada – é o piloto que mais ganhou corridas em 2021 na Stock Car Pro Series. Rafael Suzuki foi o segundo e Rubens Barrichello, o terceiro.

Os postulantes ao título fecharam a segunda prova em sexto (Casagrande) e décimo (Serra), com Camilo terminando em nono. O autódromo de Interlagos, em São Paulo, recebe a grande final do campeonato no dia 12 de dezembro. Os resultados de Santa Cruz do Sul permitiram a Gabriel Casagrande, da A-Mattheis Vogel, deixar o Sul com vantagem de 25 pontos sobre o tricampeão Daniel Serra, da Eurofarma-RC.

Via: Assessoria Stock Car - Foto: Vanderley Soares/P1 Media Relations


Whatsapp Portal Sot - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: bit.ly/3twq87I 



Postagens Relacionadas
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.