Cascavel

Empreendimentos residenciais de alto padrão incorporam biofilia e decoração artesanal

O minimalismo industrial contemporâneo cede espaço para o luxo natural e sustentáve...

15 dez 21 - 17h02 Luiz Felipe Max
Empreendimentos residenciais de alto padrão incorporam biofilia e decoração artesanal

Em diversos segmentos como moda, literatura, arte, música, design e arquitetura, o clássico sempre garante espaço. Oposto ao que é antigo e ultrapassado, o atemporal vem repaginado e volta a encantar o público ansioso pelo fim do confinamento vivido nos últimos meses. A retomada ao novo normal sugere o retorno às raízes e à essência de cada um. O luxo flerta com tendências naturais, aproxima-se da natureza e desfruta conscientemente de suas matérias-primas originais: linho, juta, sisal, bambu, palha, madeiras nativas e pedras. O cenário urbano e as residências nunca estiveram tão arborizados e a conexão com a natureza está mais fortalecida do que nunca. 

A Feira de Móveis de Milão e a Casa Cor Paraná 2021 corroboram a nova tendência sustentável. Os empreendimentos apresentam layouts integrados à natureza e à biofilia. O design biofílico vai muito além de estilo ou gosto pessoal.  Elementos da natureza como luz natural, vegetação, uso e reaproveitamento de matérias-primas e fibras naturais, e formas orgânicas integrados aos espaços construídos visam promover sensação de bem-estar, relaxamento, saúde, conforto emocional e tranquilidade. A interação com o natural é bem-vinda e incentivada nesta nova fase porque, além de tudo, cria uma atmosfera aconchegante, acolhedora e segura, melhorando a saúde e a psique da pessoa. 

A temporada das experiências e do escapismo idílico

Exclusividade, conforto e sofisticação são elementos intrínsecos ao mercado imobiliário de luxo. A temporada que está por vir aproxima as pessoas das suas raízes e bem-estar, oferecendo uma experiência inédita ao transformar o conceito de “morar bem”. O movimento do escapismo valoriza e impulsiona a desconexão da rotina acelerada e estimula o reencontro com a harmonia interior, natureza e relaxamento. As novas tendências aproximam o homem da natureza e do orgânico, ao mesmo tempo que habitam as casas contemporâneas e promovem experiências de estar e ser consciente. 

Instituto A.Yoshii aposta na tendência com Projeto Obra & Arte

Precursor e atento às tendências, o Instituto A.Yoshii criou em 2018 o Projeto Obra & Arte, iniciativa que reúne o acesso à cultura, a preservação do meio ambiente e a valorização das pessoas. Nesse projeto, o Instituto firmou parceria com o Coletivo ÔDA e seus renomados artistas, designers e criativos para desenvolver peças como sofás, cadeiras, mesas e artigos de decoração com materiais da construção civil que seriam descartados. Os resíduos mais utilizados foram vergalhão de aço, ferro, arames, canos de PVC, bobinas de madeira, parafusos e madeira.

Com o mote “Sou uma peça sustentável”, cada mobiliário é posteriormente disposto nos ambientes decorados e showrooms das praças onde o Grupo A.Yoshii atua. O projeto possibilita que colaboradores do grupo e artistas envolvidos visualizem o ciclo da reciclagem dando-lhe novo significado e diminuindo o impacto ambiental. A iniciativa possibilita transformar o descarte em arte.

A construtora A.Yoshii, por sua vez, inaugurou a tendência do regresso ao natural com o empreendimento de luxo Quintessence, localizado em Curitiba. O imóvel situado em área nobre do Batel apresenta uma fachada diferenciada na cidade, integralmente orgânica com uso de biofilia emoldurando o sofisticado empreendimento.

Grupo A.Yoshii revigora tendência com o novo empreendimento Epic

Precursor e revolucionário, o Grupo A.Yoshii prenunciou a tendência à biofilia e o regresso ao natural com o novo empreendimento Epic, que acaba de ser lançado em Curitiba. O imóvel localizado em frente ao Clube Curitibano apresenta uma fachada única na cidade, integralmente orgânica com linhas fluidas e leves e muita natureza e painéis verdes emoldurando o sofisticado empreendimento. O projeto foi desenvolvido para aproximar a natureza e o futuro morador, transmitindo vitalidade e retratando a verdadeira condição de habitar com qualidade, em uma verdadeira mansão suspensa. 

“O Epic será único e exclusivo. Com uma arquitetura contemporânea livre, o empreendimento prioriza a funcionalidade e o conforto em todos os ambientes, resultando em uma alquimia entre os espaços. A energia e vivacidade da natureza e da arquitetura mais orgânica e naturalista deste lançamento trará muita qualidade de vida para o morador”, complementa Ricardo Kitamura, diretor de unidade. 

DNA natural com originalidade em casa

A aplicabilidade da tendência naturalista orgânica na decoração de casa requer alguns cuidados para garantir um ambiente interessante, aconchegante e fresco, sem sobrecarregar os espaços com muitas informações. As arquitetas do grupo prepararam algumas dicas: 

    Selecionar mobiliários feitos em fibras naturais como juta, vime ou linho. Esses materiais são excelentes opções para “vestir” itens da casa. 

    Optar por mobiliários feitos ou revestidos em madeira que cumprem sua funcionalidade e ainda decoram os espaços. Troncos de madeira também são tendência para decoração do interior e exterior das residências. Um tronco de madeira pode funcionar como bandeja ou até um centro de mesa. 

  •     As plantas, por excelência, são o maior elemento natural para usar na decoração. Incluir verde em casa dará vida e cor aos espaços. 
  •     Para adotar a tendência naturalista, sugere-se incluir elementos sustentáveis e artesanais na decoração de casa. 
  •     Por fim, não esqueça das cores. Tons crus, amadeirados e claros, como o nude, areia, bege e até o branco servem para trazer leveza, aconchego e tranquilidade ao ambiente. 

Via: Assessoria Central Press - Foto: Gaspar Nóbrega/COB


Whatsapp Portal Sot - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: bit.ly/3cNjswL



Leia Também:
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.