Cascavel

Edson Souza visita com Grupo Maternar as estruturas da Ala Materno Infantil do Huop

As ações objetivam tornar o momento do nascimento especial para toda família....

14 abr 22 - 23h38 Redação SOT
Edson Souza visita com Grupo Maternar as estruturas da Ala Materno Infantil do Huop

O vereador Edson Souza (MDB) visitou as futuras instalações da Ala Materno Infantil do Hospital Universitário do Oeste do Paraná (Huop), na manhã da última quarta-feira (13). O vereador esteve acompanhado de representantes do Grupo Maternar, Nayara Parisoto e Letícia Sanches, para discutir sobre a implementação de ações de humanização da unidade.

As ações objetivam tornar o momento do nascimento especial para toda família. O vereador ressalta a importância da Ala Materno para toda a região. “O atendimento humanizado é a marca do Huop. Com uma estrutura adequada, a equipe possui ainda mais condições de cuidar dos pacientes da melhor maneira possível”, destacou ele.

A Ala Materno Infantil torna o espaço para atendimento a gestante dentro do HUOP mais adequado, principalmente quanto à humanização. “Houve muita mudança desde a construção do Huop em relação ao parto, à puérpera e à gestante. Um parto mais humanizado tem sido pregado nos últimos anos, e a Ala Materno Infantil foi um espaço pensando e projetado não só para atendermos uma quantidade maior de pessoas, mas também com muito mais qualidade e humanização”, enfatiza o diretor geral do Huop, Rafael Muniz de Oliveira.

Leticia Sanches, do Grupo Maternar, agradeceu a oportunidade da visita com objetivo de melhorar o atendimento às gestantes. “Já recebemos vários relatos sobre a estrutura atual e a limitação do atendimento. Com o avanço da estrutura, com certeza a equipe de saúde vai conseguir atender de uma maneira mais humanizada”, destaca.

Após a visita, Nayara Parisoto, também do Maternar, se mostrou animada com a nova realidade da Ala Materno Infantil do Huop.  “A gente prevê uma grande melhora no atendimento materno infantil, tanto para a mãe que está entrando em trabalho de parto, quanto para aquela que já está no pós-parto imediato. Acreditamos que, com a melhora na estrutura física, a qualidade do atendimento também deve ser muito melhor”, finaliza.

Via: Assessoria de Imprensa/CMC- Foto: Flavio Ulsenheimer


Whatsapp Portal Sot - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: bit.ly/3cNjswL



Leia Também:
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.