Paraná

Com foco no combate à Covid-19, Estado lança o Verão Consciente

Operação especial que começa neste sábado (19) vai reforçar a necessidade do distan...

18 dez 20 - 21h18 Redação SOT
Com foco no combate à Covid-19, Estado lança o Verão Consciente

Em virtude da pandemia da Covid-19, o Governo do Estado montou um planejamento que visa a preservação da saúde durante a temporada de calor. A iniciativa foi batizada de Verão Consciente e a estratégia é reforçar a necessidade do distanciamento social e difundir outras medidas sanitárias como forma de conter a circulação do vírus.

Os detalhes da operação foram apresentados nesta sexta-feira (18), no Palácio Iguaçu, pelos secretários Beto Preto, da Saúde, Rômulo Marinho, da Segurança Pública, e pelo superintendente-geral da Paraná Esporte, Helio Wirbiski. O programa de atividades começa neste sábado (19) e vai durar até o carnaval.

Haverá reforço nas ações de saúde, segurança pública e meio ambiente tanto no Litoral quanto nas prainhas fluviais das regiões Oeste, Noroeste e Norte Pioneiro. Para evitar aglomerações de pessoas, o Estado cancelou toda a programação de atividades esportivas, artísticas, de lazer e culturais que estavam previstas, como os shows musicais, trios elétricos e queima de fogos durante a celebração do Réveillon.

Em manifestação recente, o governador Carlos Massa Ratinho Junior já havia pedido apoio à população para evitar a disseminação da infecção pelo novo coronavírus. “Quem puder, fique em casa. Mais do que nunca terá de ser um verão consciente, um verão da consciência”, destacou. “Precisamos do apoio e da conscientização de todos para o que o sistema de saúde não entre em colapso”, afirmou.

O Estado vai oferecer seis postos de testagem, do modelo RT-PCR (cotonete) durante o verão no Litoral. A intenção é descobrir quem pode estar com a doença para iniciar o tratamento e o isolamento. Os pontos de coleta serão instalados em Matinhos, Guaratuba, Morretes, Pontal do Sul, Ipanema e Praia de Leste e terão capacidade de realizar em conjunto até 2 mil testes por dia, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS).

Com o cancelamento da programação voltada para o entretenimento, todos os 200 estagiários de Educação Física e Enfermagem contratados temporariamente para atuar durante a temporada foram deslocados para ações de orientação. Com o apoio da Secretaria de Estado da Saúde, eles estarão diariamente nas praias paranaenses para reforçar para as pessoas a importância do distanciamento, do uso de máscaras, do álcool em gel e da higiene pessoal.

Uma equipe percorrerá de van as cidades, orientando a população que reside longe da faixa de areia. “A palavra de ordem é bom senso, por isso a opção de realizar um Verão Consciente. Vamos trabalhar na prevenção, educação e orientação, contando sempre com a empatia das pessoas”, ressalta Wirbiski.

NORMA TÉCNICA  – A Secretaria da Saúde preparou a resolução técnica 1471/2020 que serviu de base para a elaboração de uma cartilha de boas práticas para quem for passar o verão nas praias do Paraná. Entre outros pontos, a normativa tornou obrigatório o uso de máscaras na areia, podendo ser retirada apenas durante o banho de mar ou para alimentação. O mesmo vale para quem for usar os banheiros públicos instalados nas orlas.

“Durante o tempo em que estiverem na areia para o banho de sol, as pessoas que não pertencerem ao mesmo grupo familiar ou de convivência devem manter-se a uma distância mínima de 1,5 metro entre si”, diz parte da resolução.

Outra recomendação é de, na areia, só haja concentração de pessoas que pertençam ao mesmo núcleo familiar ou de convivência, com os grupos não excedendo 5 pessoas. “O vírus é terrível e o momento é muito delicado, à beira de um período que pode se tornar crítico. Então, quem puder fazer a escolha, que não vá para a praia. Fique em casa, em isolamento. É a melhor opção para o momento”, destacou Beto Preto

LEITOS – A 1ª Regional de Saúde prestará apoio às estruturas municipais de saúde. Está prevista a ampliação dos leitos exclusivos para tratamento da Covid-19, tanto de UTI quanto de enfermaria, no Hospital Regional de Paranaguá. Passará de 30 para 50, um acréscimo de 67%.

Haverá ainda ações de vigilância sanitária, prevenção e campanhas educativas contra a Covid-19, dengue, zika, chikungunya, sarampo, febre amarela, HIV e outras doenças sexualmente transmissíveis.

Outro apoio do Estado se dará com médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e rádio-operadores aplicados nos municípios de Matinhos, Guaratuba, Pontal do Paraná, Guaraqueçaba e Paranaguá. Também serão disponibilizadas ambulâncias extras com Suporte Avançado.

Via: Agência de Noticias do Paraná - Foto: Divulgação


Whatsapp Portal Sot - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: bit.ly/3twq87I 



Postagens Relacionadas
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.