Cascavel

Cascavel CR é acusado de falsificação de exames de Covid-19

Cumpre deixar claro que o afastamento dos atletas (Enzzo Fabrizio Jovinski Stresser...

22 abr 21 - 23h44 Atualizado 23 abr 21 - 14h25 Redação SOT
Cascavel CR é acusado de falsificação de exames de Covid-19

A Federação Paranaense de Futebol soltou uma nota denunciando o Cascavel CR por falsificar o teste de Covid-19 três jogadores da equipe no duelo contra o Athletico, nesta quinta-feira, pelo Paranaense. O lateral-direito Lapa, o meia Castro e o atacante Gabriel Oliveira seriam titulares na escalação publicada pelo Cascavel CR, mas foram substituídos por Pedra, Eder Wilson e Vanderlan, respectivamente.

De acordo com a FPF, houve indícios de falsificação dos exames RT-PCR para a detecção da Covid-19 e a entidade entrou em contato com o laboratório responsável, que confirmou que os atletas não realizaram os testes na última terça-feira (20).

Ainda segundo a entidade, o caso será reportado para o Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná (TJD-PR) para averiguação de toda a situação. “A Entidade repudia toda e qualquer tentativa de fraude e violação ao Protocolo de Jogo da FPF/COVID-19, informando desde logo que os fatos serão reportados ao Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná (TJD/PR), para consequente apuração, oportunização do contraditório e ampla defesa, e, se for o caso, aplicação das penalidades cabíveis”.

Defesa do Cascavel CR

Em conversa com a reportagem da Banda B, o presidente do Cascavel CR, Tony Almeida, afirmou que vai averiguar internamente para saber o que houve com os exames dos respectivos jogadores. “São situações que ainda não estamos a par. É um trabalho feito ao longo da semana e o presidente não está lá todo dia. Tem que apurar para ver se houve alguma troca de exame. A gente faz os exames quase que semanal e nem sei como que funciona. Pode ter acontecido que temos que averiguar mais perto para saber o que houve”, disse.

Confira a nota completa da FPF:

A Federação Paranaense de Futebol vem, através da presente, esclarecer os fatos ocorridos na partida entre Club Athletico Paranaense e Cascavel Clube Recreativo realizada na tarde de hoje (22/04/2021), no Estádio Joaquim Américo Guimarães, válida pela 4ª rodada do Campeonato Paranaense de Futebol Profissional da Primeira Divisão – Temporada 2021, mais especificamente com relação ao afastamento de atletas antes do início da partida. 

Cumpre deixar claro que o afastamento dos atletas (Enzzo Fabrizio Jovinski Stresser, Luiz Felipe Castro Neto, Matheus Gabriel de Oliveira Moraes e Wagner Afonso Bello de Lima) do Cascavel CR se deu em razão de tentativa de falsificação de exames RT-PCR para a detecção da COVID-19, apresentados para a referida partida. 

Frise-se que após a devida conferência dos exames foram constatados indícios de falsificação, e a fim de averiguar a suspeita, a FPF entrou em contato com o Laboratório responsável, que por sua vez confirmou que referidos atletas não realizaram os testes nas datas em questão. 

A Entidade repudia toda e qualquer tentativa de fraude e violação ao Protocolo de Jogo da FPF/COVID-19, informando desde logo que os fatos serão reportados ao Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná (TJD/PR), para consequente apuração, oportunização do contraditório e ampla defesa, e, se for o caso, aplicação das penalidades cabíveis. 

Via: Assessoria Federação Paranaense de Futebol/Banda B - Foto: Divulgação


Whatsapp Portal Sot - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: bit.ly/3twq87I 



Postagens Relacionadas
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.