Brasil

Cantor é metralhado dentro de ambulância

Ele era suspeito de envolvimento na morte de um delgado de Polícia Civil. Homens en...

23 abr 21 - 01h02 Redação SOT

A execução de homem suspeito de envolvimento na morte de um delegado deixou as autoridades de Pernambuco em alerta máximo essa semana. De acordo com a Polícia, José Carlos Santana, de 43 anos, era cantor e estava sendo investigado pelo assassinato do delegado Anderson Liberato, de 32 anos, que ocorreu na noite deste sábado (17).

Segundo as autoridades, José Carlos era suspeito de atirar três vezes contra o delegado enquanto ele cumpria um mandado de prisão contra o suspeito na cidade vizinha de Jataúba. A mulher de José Carlos também era alvo do mandado.

O acusado estava escondido no banheiro quando baleou a vítima, que foi atingida com um tiro na clavícula e outros dois disparos na perna. O delegado não resistiu aos ferimentos.

A polícia informou ainda, que o cantor também foi atingido, no ombro, na troca de tiros. Quando estava indo para o hospital, em uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), quando o veículo foi interceptada na BR-104 por homens fortemente armados.

Os socorristas não sofreram ferimentos durante o ataque, pois os criminosos pediram para que todos saíssem do veículo e dispararam três vezes na cabeça de José Carlos. Agora, a Polícia Civil investiga se o segundo crime tem relação com o assassinato do delegado.

Via: Redação/SBT Notícias - Foto: Divulgação


Whatsapp Portal Sot - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: bit.ly/3twq87I 



Postagens Relacionadas
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.