Paraná

Equipe multiprofissional da Uopeccan proporciona banho de sol a pacientes

Além do sol e a bela vista do solário que fica localizado no 2° andar do hospital,...

27 abr 21 - 00h25 Redação SOT
Equipe multiprofissional da Uopeccan proporciona banho de sol a pacientes

Depois de 30 dias de internação na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital do Câncer Uopeccan de Umuarama, a paciente Rita Casturina Silvestre Oliveira da Costa, de 58 anos, finalmente conseguiu ver a luz do sol. Rita e outros pacientes foram levados pela equipe multidisciplinar para um banho de sol no solário do hospital. “Quando eu recebi a ligação do serviço social contando que minha mãe está melhorando e conseguiu ir até o solário, eu e meus irmãos ficamos felizes. Esse gesto mostra a preocupação de toda equipe com ela, não vemos a hora dela voltar para casa”, contou o filho da Rita, Sebastião Iria da Costa, ao receber a notícia da mãe.

Além do sol e a bela vista do solário que fica localizado no 2° andar do hospital, as flores também chamam atenção de todos que passam pelo local. Zenaide Bartolomeu Perealdo, 51 anos, teve paralisia infantil quando tinha apenas cinco anos e a irmã precisou acompanhar durante a internação. “Quando ela chegou aqui nesse ambiente com a luz solar percebi que os olhos dela brilharam, foi notário a alegria ao ver as flores e tocá-las. Esses minutos que estamos tendo juntas é muito importante, principalmente para elevar a imunidade dela e fortalecer o nosso carinho uma pela outra”, destacou a acompanhante, irmã da Rita, Lucia Bartolomeu Perealdo da Silva.

Segundo a psicóloga, Aline da Silva Freire da Uopeccan de Umuarama, esse período do contato com a luz do sol é de grande valia para o processo de recuperação. “Possibilitar aos pacientes ações como acesso ao solário, traz aos mesmos um momento de relaxamento, de quebra dessa nova rotina imposta. Um ambiente acolhedor que proporciona contato com o meio externo novamente, trazendo esperança e renovo, não somente ao paciente, mas também a toda equipe multidisciplinar que pode acompanhar de perto a evolução destes após tais ações, gestos simples que fazem toda a diferença no nosso dia a dia”.

Para Wagner Valentim, de 49 anos, o momento foi muito especial, já fazia dias que ele saia do quarto. “Eu fiquei muito feliz em ver o sol, depois de tantos dias internado, através dele foi possível renovar a minha força e esperança e seguir em frente, sou muito grato toda equipe que está cuidando de mim”, ressaltou.

O fisioterapeuta Juliano Nabhan, conta que a atividade foi possível devido as condições clínicas do paciente e liberação médica. “Levar os pacientes com tempo de internação prolongada ao solário, como o caso desses pacientes possibilita além de receber a luz solar (vitamina D), auxilia na realização das movimentações no leito de forma mais ativa. Durante o procedimento o paciente é colocado na cadeira de rodas e acompanhados por nossa equipe de fisioterapia e enfermagem”, finaliza.

Via: Assessoria Uopeccan - Foto: Divulgação


Whatsapp Portal Sot - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: bit.ly/3twq87I 



Postagens Relacionadas
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.