Cascavel

Professora Liliam encaminha moção contra redução de disciplinas de "Sociologia, Filosofia e Arte"

Segundo a proponente da Moção, vereadora Professora Liliam (PT), com a redução da c...

04 mai 21 - 18h02 Atualizado 04 mai 21 - 18h02 Redação SOT
Professora Liliam encaminha moção contra redução de disciplinas de "Sociologia, Filosofia e Arte"

A Câmara Municipal de Cascavel aprovou Moção de Apoio ao movimento paranaense de professores das chamadas disciplinas de Humanidades nesta terça-feira (3). O movimento estadual quer a volta da carga horária de Sociologia, Filosofia e Arte, cortada em 50% pelo Governo do Estado. Antes, essas disciplinas tinham duas horas-aula semanais e passaram a ter apenas uma.

Segundo a proponente da Moção, vereadora Professora Liliam (PT), com a redução da carga horária, uma parcela considerável de docentes temporários pode ser demitida e docentes concursados terão a carga horária duplicada. "Isso num contexto em que a categoria já está bastante exausta devido ao trabalho remoto e à luta sem tréguas em defesa da dignidade da carreira", esclarece a vereadora.

Os professores, organizadas a partir do Coletivo Humanidades, também questionam a defasagem dos conteúdos com a redução do número de aulas, o prejuízo na preparação dos estudantes para os vestibulares e o ENEM, e apontam que mais de 3 mil profissionais serão demitidos em todo o estado em plena pandemia.

"Somos professores conscientes sobre os impactos na formação integral dos estudantes, pois a Arte, a Filosofia e a Sociologia são espaços onde os alunos e alunas têm a possibilidade de expressar suas visões de mundo, dialogar sobre sua condição na sociedade, além de ter acesso ao conhecimento sobre cidadania e direitos humanos, fundamental à construção dos indivíduos", ressalta a professora de sociologia da Edimara Domingues de Oliveira.

A Moção aprovada nesta tarde, além de apoiar o Coletivo Estadual de Humanidades, posiciona-se igualmente contrária às medidas adotadas pelo Governo do Paraná e solicita a revogação das mesmas. O documento será enviado ao Palácio do Iguaçu e à Secretaria de Estado da Educação.

Via: Assessoria de Imprensa/CMC- Foto: Flavio Ulsenheimer


Whatsapp Portal Sot - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: bit.ly/3twq87I 



Postagens Relacionadas
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.