Cascavel

“A fila andou”, diz Alécio sobre exames e cirurgias feitos com recursos de emendas

Participaram do encontro também os vereadores Mazutti (Podemos) e Melo do Pastel (P...

05 set 23 - 14h49 Redação SOT
“A fila andou”, diz Alécio sobre exames e cirurgias feitos com recursos de emendas

A Secretaria Municipal de Saúde já conseguiu realizar 478 cirurgias e 9.171 exames complementares desde maio usando o recurso das emendas impositivas destinadas pelos 21 vereadores de Cascavel. O anúncio foi feito na manhã desta terça-feira (05) pelo secretário Miroslau Bailak, em reunião com o presidente Alécio Espínola (Podemos) e os vereadores Cidão da Telepar (PSB) e Sadi Kisiel (Podemos), da Comissão de Saúde.

Participaram do encontro também os vereadores Mazutti (Podemos) e Melo do Pastel (PP) e as assessorias de Madson de Oliveira (MDB) e Professor Santello (PTB), além do procurador Anderson de Carvalho. O secretário atendeu a um convite feito pelo presidente Alécio, para que o Legislativo pudesse ser informado sobre o andamento do mutirão para realização de cirurgias e exames.

“A gente precisava saber se esse dinheiro das emendas impositivas fez essa fila andar. E sim, foram realizadas mais de 400 cirurgias e 9000 exames, e ainda há mais R$ 750 mil para utilizar até o final do ano. Por isso eu convidei aqui o secretário para vir ao Plenário na sessão do dia 18 para falar sobre isso aos demais vereadores. Cabe a nós agora nos organizarmos para continuar colocando dinheiro com as emendas, para que consigamos zerar a fila no ano que vem”, enfatizou o presidente da Câmara.

Na conversa desta terça, que aconteceu no Gabinete da Presidência, Miroslau Bailak contou que desde maio, quando começou o mutirão, já foram utilizados R$ 1.383.165,65 das emendas impositivas, restando um saldo de R$ 750.598,25 para serem gastos até novembro. O valor total destinado pelas emendas em 2023 foi de R$ 2.133.763,90. “Eu já vim aqui com a mão aberta para pedir um pouco mais, gostaria de pedir aos vereadores que nos destinassem pelo menos R$ 300 mil cada um no próximo orçamento, para que a gente consiga zerar a fila em 2024”, disse o secretário.

Para 2024, cada vereador poderá destinar um total de R$ 1,2 milhão em emendas impositivas ao orçamento municipal, sendo que metade deve ir para a área de saúde. “O secretário está nos pedindo R$ 300 mil de cada vereador e eu, de antemão, me comprometo com esse valor e vou convidar os colegas para que façam da mesma forma”, finalizou Alécio.

Via: Assessoria Câmara Municipal de Cascavel - Foto: Flávio Ulsenheimer


Envie sugestões de Pautas, Fotos, Videos, ou Participe do grupo no WhatsApp ou do nosso Canal no Telegram receba as principais notícias do oeste do Paraná em primeira mão! 

CANAL NO WHATSAPP  -  CANAL DO TELEGRAM - GOOGLE NEWS 



Leia Também:
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.