Paraná

Ação da Receita Federal na BR-277 resulta em apreensões de R$ 400 mil em produtos eletrônicos

Intensificação das fiscalizações leva à desarticulação de quadrilhas que atuavam no...

17 jun 24 - 18h22 Redação SOT
Ação da Receita Federal na BR-277 resulta em apreensões de R$ 400 mil em produtos eletrônicos

Em uma ação conjunta entre a Receita Federal e a Polícia Rodoviária Federal, realizada entre os dias 15 e 17 de junho, na BR-277, diversas apreensões de produtos eletrônicos e retenção de veículos foram registradas. As ações, que visam combater o contrabando e descaminho na região, resultaram em um montante total apreendido de R$ 400 mil em mercadorias.

No dia 15 de junho, um veículo foi abordado no Posto da PRF em Céu Azul transportando 106 celulares de marcas chinesas, Apple Watches, iPads e perfumes, totalizando R$ 90.000,00 em mercadorias. O veículo foi retido e o motorista liberado.

No dia seguinte, outro veículo foi flagrado com videogames, celulares, iPads e óculos de realidade virtual, avaliados em R$ 20.000,00. Os ocupantes do veículo, três homens e uma adolescente, todos brasileiros, afirmaram que os produtos seriam transportados para um ônibus de turismo, mas não apresentaram documentação que comprovasse a importação regular. Diante da falta de comprovação e da suspeita de destinação comercial, o veículo e as mercadorias foram apreendidos.

Ainda no dia 17 de junho, mais dois veículos foram abordados. Um carro foi fiscalizado na área urbana de São Miguel do Iguaçu transportando 32 celulares e 2 iPods, com destino a Cascavel/PR. A carga foi avaliada em R$ 20.000,00 e a condutora, uma brasileira, foi detida para os procedimentos legais cabíveis.

Já o segundo veículo, um ônibus de turismo, foi abordado em um posto de combustível na saída de Foz do Iguaçu, transportando eletrônicos diversos, brinquedos, perfumes e vinhos. Os produtos foram avaliados em R$ 270.000,00.

Todas as mercadorias e veículos apreendidos foram encaminhados à sede da alfândega de Foz do Iguaçu. O valor total das apreensões é estimado em R$ 400.000,00. Será feita uma representação fiscal para fins penais dos envolvidos junto ao Ministério Público Federal, onde poderão responder pelo crime de descaminho.

Via: SOT/Luiz Felipe Max - Foto: Divulgação


Envie sugestões de Pautas, Fotos, Videos, ou Participe do grupo no WhatsApp ou do nosso Canal no Telegram receba as principais notícias do oeste do Paraná em primeira mão! 

CANAL NO WHATSAPP  -  CANAL DO TELEGRAM - GOOGLE NEWS 



Leia Também:
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.