Cascavel

Mais duas mortes no trânsito de Cascavel elevam número de vítimas fatais para 14 em 2024

As vítimas, uma mulher de 60 anos e um motociclista de 57 anos, faleceram em janeir...

21 jun 24 - 16h36 Atualizado 21 jun 24 - 16h43 Redação SOT
Mais duas mortes no trânsito de Cascavel elevam número de vítimas fatais para 14 em 2024

A Autarquia Municipal de Mobilidade, Trânsito e Cidadania (Transitar) de Cascavel, em conjunto com o Comitê Intersetorial de Prevenção de Acidentes de Trânsito (Cotrans), confirmou mais duas mortes em decorrência de acidentes de trânsito no município. As vítimas, uma mulher de 60 anos e um motociclista de 57 anos, faleceram em janeiro deste ano, elevando o total de óbitos no trânsito em Cascavel para 14 em 2024.

O primeiro caso ocorreu no dia 5 de janeiro, quando uma mulher foi atropelada por um ônibus enquanto atravessava a Avenida Brasil fora da faixa de pedestres. A vítima, que transitava pela faixa exclusiva de ônibus no sentido Leste-Oeste, teve seu óbito confirmado no dia 16 de janeiro.

Já no dia 17 de janeiro, um motociclista sofreu um acidente na Rua Cuiabá, no Centro da cidade. Segundo informações da Transitar, o condutor foi "fechado" por um carro, o que o levou a perder o controle da moto e cair. Em decorrência da gravidade dos ferimentos, o motociclista faleceu no dia 21 de janeiro.

Com as novas confirmações, os dados da Transitar indicam que, até o momento, em 2024, o trânsito de Cascavel já registrou:

  • 1 morte de condutor
  • 7 mortes de motociclistas
  • 1 morte de passageiro de moto
  • 4 mortes de pedestres
  • 1 morte de ciclista

Diante do aumento no número de vítimas fatais, a Transitar reforça seu chamado à atenção e ao respeito às regras de trânsito por parte de todos os usuários das vias, sejam motoristas, motociclistas, ciclistas ou pedestres. A autarquia ressalta que a segurança no trânsito é uma responsabilidade compartilhada e que atitudes conscientes e responsáveis são essenciais para evitar novos acidentes e salvar vidas.

A Transitar atua em três frentes para garantir a segurança no trânsito de Cascavel: educação, engenharia e fiscalização. Através de campanhas educativas, a autarquia busca conscientizar a população sobre a importância do respeito às leis de trânsito e da adoção de comportamentos seguros nas vias.

Já na área de engenharia, o foco está na implementação de medidas que contribuam para a melhoria da infraestrutura viária, como a construção de ciclovias, sinalização adequada e faixas de pedestres seguras. Por fim, a fiscalização também tem um papel fundamental, punindo infrações e coibindo comportamentos que coloquem em risco a vida dos usuários das vias.

A Transitar convida toda a comunidade cascavelense a se unir na construção de um trânsito mais seguro e humano. Dirigir com responsabilidade, respeitar as leis de trânsito e ter um comportamento consciente nas vias são ações essenciais para salvar vidas e garantir um trânsito mais seguro para todos.

Via: SOT/Luiz Felipe Max - Foto: Luiz Felipe Max


Envie sugestões de Pautas, Fotos, Videos, ou Participe do grupo no WhatsApp ou do nosso Canal no Telegram receba as principais notícias do oeste do Paraná em primeira mão! 

CANAL NO WHATSAPP  -  CANAL DO TELEGRAM - GOOGLE NEWS 



Leia Também:
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.